ARTIGOS

OS DENTES NAO MENTE

É incrível como o corpo e mente são um só! Desengane-se quem pensa o contrário. Aliás, o trabalho do psicólogo passa muito por tratar manifestações físicas causadas por emoções. Isto ocorre quando o que sentimos grita tão alto que se reflete no corpo.

Vamos a exemplos?

Sublinho o bruxismo/bruxomania. Tratam-se de movimentos estereotipados e periódicos de ranger e/ou cerrar de dentes, decorrentes da contração rítmica dos músculos da região da mandibula. O bruxismo pode ocorrer durante a noite (bruxismo noturno) ou durante a vigília (bruxismo diurno). São entidades clínicas diferentes que ocorrem em distintos estados de consciência. Ambos estão intimamente relacionados com a ansiedade, stress, depressão…

Provavelmente todos nós em algum momento da vida já contraímos os músculos mastigadores, apertámos os dentes, sobretudo em momentos de concentração ou esforço físico. Mas quando estes comportamentos ocorrem repetidamente podem provocar efeitos tão nefastos quanto o desgaste dos dentes até à gengiva ou até fratura dentária. Porque ranger os dentes origina uma força 40 vezes mais potente que mastigar!

Bastante impressionante ainda mais se considerarmos que grande parte das vezes quem sofre de bruxismo nem sabe disso! É frequente ser o(a) parceiro(a) a ouvir a fricção dos dentes durante a noite ou então a própria pessoa começa a sentir estranhas dores faciais, nos ouvidos, cabeça ou pescoço.

O tratamento passa essencialmente pela utilização de uma goteira de oclusão recomendada pelo dentista que, sendo muitíssimo eficaz, alivia os sintomas, mas não resolve as causas psicológicas dos mesmos. Para que este distúrbio tenha um fim definitivo é preciso questionar, “o que sinto?”, “o que se passa na minha vida?”, “o que me preocupa?”, “o que origina este ato repetido inconsciente?”  Estes passos importantes, de descoberta e cura, devem ser acompanhados por um psicólogo cujas técnicas de base cientifica auxiliam esta jornada. Porque ser saudável por fora começa por se sentir bem por dentro. E a verdade é que os dentes não mentem!

Partilhe em:

Share via
Copy link
Powered by Social Snap